Agenda Geral | Comitês

<Agosto/2022>
DOMSEGTERQUAQUISEXSÁB
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031
<Agosto/2022>
DOMSEGTERQUAQUISEXSÁB
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031

Governo inicia projeto para proteger e recuperar nascentes

24/03/2015 - Categoria: CBH-PS - Paraíba do Sul | CBH-AT - Alto Tietê | CBH-PCJ - Piracicaba, Capivarí e Jundiaí | Sistema Cantareira

Foto: A2 Fotografia / Bruno Santos

O governo do Estado de São Paulo lançou na última sexta-feira (20) o programa Nascentes, ‘Piracaia I’, com objetivo de restaurar as bacias hidrográficas que alimentam o Sistema Cantareira, especialmente a Represa da Cachoeira, com o plantio de mudas nas Áreas de Preservação Permanentes (APPs) hídricas em, no mínimo, dez hectares.

“Aqui está uma das cinco represas do Cantareira, a Represa da Cachoeira. Vamos, na primeira fase, plantar 6,3 milhões de mudas nativas para matas ciliares. Temos já cinco penitenciárias produzindo mudas, temos mais 11 que vão entrar no programa, serão 16 penitenciárias", explicou o governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, em Piracaia.

Com investimentos públicos e privados, o programa visa restaurar cerca de 20 mil hectares de matas ciliares e proteger seis mil quilômetros de cursos-d’água, nas bacias hidrográficas do Alto Tietê, Paraíba do Sul e Piracicaba/Capivari/Jundiaí.

O ‘Piracaia I’ é o primeiro projeto aprovado pela Coordenadoria de Biodiversidade e Recursos Naturais (CBRN), da Secretaria do Meio Ambiente do Estado de São Paulo. As ações envolvem proprietários locais, prefeitura, sindicato, ONGs, secretarias de Estado e cooperativas.